RSS

Arquivo da tag: servo

Que ele Cresça! e Eu Diminua!


 

Tags: , , , , , , , , ,

Palavras do Tito.


Até hoje é admirado e adorado o jovem pobre carpinteiro Jesus de Nazaré e servo de 33 anos de idade que mudou a historia do mundo com suas virtudes de uma vida melhor que faz diferença eterna. Porém os adultos e velhos ricos de Jerusalém, vencidos pela cobiça, ganância e soberba tiveram o espírito feiticeiro de inveja e conspiraram contra ele e o mataram. Mesmo depois de ressuscitar no terceiro dia não se vingou deles. As virtudes desse jovem me tornam uma maquina de copia, para tirar as páginas do seu caráter e fazer uma nova historia da minha vida.
Ele me ensinou que num mundo corrompido pelas cobiças dos olhos, da carne e soberba da vida, só os virtuosos fazem diferença, mesmo sendo jovens sem posições de altezas ou nobrezas ou mesmo de riquezas. O que realmente importa é o que os jovens são o que eles terão lhes será acrescentado. O mundo não aguarda pela exibição dos soberbos ricos na carne e pobres de espirito, mas pela revelação da gloria dos filhos de Deus, pobres de espírito mas ricos em gloriosas virtudes eternas.
Filho te amo
Beijo

Tito Isaías João Rondinho

 
1 comentário

Publicado por em 03/01/2013 em Breve Pensamento

 

Tags: , , , , , , , , , , , , ,

2 Reis 6:16


“E ele disse: Não temas; porque mais são os que estão conosco do que os que estão com eles.” 2 Reis 6:16

Pensamento: Esse versículo foi a resposta que Eliseu deu ao seu servo quando ele ao se levantar avista sua cidade rodeada pelo exército do inimigo, e assustado pergunta a Eliseu o que fazer !!! Acredito que esta também é a resposta que Deus quer nos dar quando estamos numa situação em que estamos cercados por problemas. Assim como Eliseu orou ao Senhor e pediu para que abrisse os olhos do moço e fizesse com que ele visse o exército do Senhor que estava ao seu lado, devemos orar e pedir para que o Senhor nos faça ver que Ele é forte, poderoso e esta acima de qualquer inimigo.

Oração: Pai querido, em meio aos problemas que se levantarem contra mim, peço que o Senhor abra a minha visão espiritual, e com os meus olhos da fé eu possa ver que não estou sozinho, pois o exército do Senhor está comigo. Eu rejeito todo medo, toda ansiedade e toda angústia. E declaro descanso no Senhor pois tenho certeza que a vitória está garantida.

Devocionaldiario.com.br

 
Deixe um comentário

Publicado por em 22/11/2012 em Devocional

 

Tags: , , , , , , , , ,

Rádio Promessas!


Quero convidar a todos vocês que visitam o Blog Servo de Cristo a visitar e escutar a Web Rádio Promessas! Será uma benção na sua vida! É uma Web Rádio nova, que está focada em Salvar vidas! Abençoar vidas! Seja você uma Benção! Ajude a divulgar mais uma ferramenta em nossas mãos para levarmos a palavra de Deus! Consulte no Site da Rádio os horários das programações ao Vivo! E Eu, Paulo Cezar Estarei lá em breve Também levando uma palavra abençoada para sua vida! Acesse! http://www.radiopromessas.com.br/ Que Deus te abençoe!

 
1 comentário

Publicado por em 03/08/2012 em Evangelizar, Informação

 

Tags: , , , , , , , , , , , , , , ,

Quantos pés temos lavado?


Quantos pés temos lavado? Hoje Deus nos coloca e nos ensina a servirmos pessoas! E como devemos servi-las? Lavando os Pés! Lavar os pés fala de ensinar a criança no caminho que ela deve andar! Fala de tratar as feridas causadas por um caminho tortuoso e dolorido de um passado de pecado. Jesus lavou nossos pés! e nos colocou nEle, que é o Verdadeiro Caminho que nos leva com Vida a Deus. Que possamos entender o lava pés, e então assim possamos servir as vidas levando elas a andarem com Jesus

Paulo Cezar Machado de Souza

 
2 Comentários

Publicado por em 02/08/2012 em Breve Pensamento

 

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Lavando os Pés!


“Jesus Sai da Mesa (trono), tira suas vestes (as vestes reais), coloca as vestes de servo e lava os Pés dos Discípulos, depois retira as vestes de servo, e volta para o trono e diz para seguirmos o exemplo dEle. Hoje temos na igreja Pastores que querem ser servidos no trono com suas vestes reais. Pessoas que eram para estar lavando os pés dos discípulos, estão querendo ser lavados e servidos, disfarçando isso com a honra”

Para Refletir

Paulo Cezar Machado de Souza

 
1 comentário

Publicado por em 31/07/2012 em Breve Pensamento

 

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , ,

Um pequeno servo


“Deus faz grandes coisas através de pequenos homens. Por isso decidi ser um pequeno servo em vez de um grande homem”

Paulo Cezar Machado de Souza

 
Deixe um comentário

Publicado por em 20/07/2012 em Breve Pensamento

 

Tags: , , , , , , , , , ,

Já não há Condenação


“Portanto, agora já não há condenação para os que estão em Cristo Jesus.” (Romanos 8:1)

Ela provavelmente foi usada e abusada por homens durante sua vida inteira. E agora eles estavam exigindo sua execução.

Estou falando da mulher que foi pega cometendo adultério em João 8:1-11. Seus acusadores conseguiam ver apenas uma mulher que vinha adotando um estilo de vida imoral. Jesus conseguia ver apenas uma mulher perdoada de seus pecados. E com uma declaração de Jesus, seus acusadores partiram. Lá estava ela, olhando nos olhos do próprio Deus. Em vez de ver desprezo e ódio, ela viu amor e compaixão enquanto Jesus pronunciou as palavras: “Mulher, onde estão eles? Ninguém a condenou?” (João 8:10).

Ela apenas pôde responder: “Ninguém, Senhor” (João 8:11)

“Eu também não a condeno. Agora vá e abandone sua vida de pecado” (João 8:11).

Como pôde Jesus dizer tal coisa a uma mulher adúltera? Ele pôde fazer uma afirmação tão revolucionária porque, em pouco tempo, ele iria para a cruz onde os pecados do mundo seriam derramados sobre Ele. Ele logo suportaria todos os pecados que esta mulher havia cometido. Jesus proclamara esta verdade: “Eu não vou condená-la, porque irei enfrentar a condenação que você deveria enfrentar. Vou pagar o preço do seu pecado.”

Repare que Ele não disse: “Vá e não peques mais e, como resultado, Eu não irei te condenar.” Se esse fosse o caso, ninguém jamais poderia ser perdoado. Não procuramos viver uma vida santa para ganhar a aprovação de Deus e o Seu perdão. Se acreditamos nele, Ele nos aceita sem levar em conta o que fizemos. Ele nos abraça em Seus braços e nos recebe. Mas Deus não pára por aqui. Ele também quer nos mudar.

O ato de perdão de Jesus foi seguido por um desafio. “Vá e não peques mais.”

DevocionaisDiários

 
Deixe um comentário

Publicado por em 11/07/2012 em Devocional

 

Tags: , , , , , , , , , , , , , , ,

Momentos e Propósito


A Palavra de Deus não está errada quando diz que o coração do homem é enganoso. Se nos guiamos pelo coração somos cegados a ponto de acreditar que Deus está de acordo com nossas decisões.

Viver de emoções é viver de momentos. Momentos não são o alvo, mas sim meios. Momentos são feitos para fazermos escolhas que contribuem para o que é eterno.

Se vivemos com o foco nos momentos, fazemos escolhas erradas.
Agora, tendo a consciência de que tais momentos são feitos para que algo seja alcançado lá na frente, nossa postura precisa ser diferente diante de certas situações.

Há momentos de dizer SIM e há momentos de dizer NÃO!
Momentos podem contribuir para o propósito de Deus para as nossas vidas, ou não!

Aproveitar o momento não é curtir, mas sim usá-lo de modo que o propósito seja alcançado.

(comentário feito pelo Lucas Vinícios Rangel aqui no Blog Servo de Cristo, digno de ser postado.)

 
Deixe um comentário

Publicado por em 19/06/2012 em Breve Pensamento

 

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , ,

Muitas Vozes!


Existe muitas vozes nesse mundo! inclusive dentro da igreja! Mas a única voz que um Servo de Cristo deve Ouvir é a do Espírito Santo! Pois Importa agradar a Deus e não aos Homens!

Para Pensar!

Paulo Cezar Machado de Souza

 
Deixe um comentário

Publicado por em 31/05/2012 em Breve Pensamento

 

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , ,

Mais são os que estão conosco


“E ele disse: Não temas; porque mais são os que estão conosco do que os que estão com eles.” 2 Reis 6:16

Pensamento: Esse versículo foi a resposta que Eliseu deu ao seu servo quando ele ao se levantar avista sua cidade rodeada pelo exército do inimigo, e assustado pergunta a Eliseu o que fazer !!! Acredito que esta também é a resposta que Deus quer nos dar quando estamos numa situação em que estamos cercados por problemas. Assim como Eliseu orou ao Senhor e pediu para que abrisse os olhos do moço e fizesse com que ele visse o exército do Senhor que estava ao seu lado, devemos orar e pedir para que o Senhor nos faça ver que Ele é forte, poderoso e esta acima de qualquer inimigo.

Oração: Pai querido, em meio aos problemas que se levantarem contra mim, peço que o Senhor abra a minha visão espiritual, e com os meus olhos da fé eu possa ver que não estou sozinho, pois o exército do Senhor está comigo. Eu rejeito todo medo, toda ansiedade e toda angústia. E declaro descanso no Senhor pois tenho certeza que a vitória está garantida.

DevocionalDiário

 
Deixe um comentário

Publicado por em 05/05/2012 em Devocional

 

Tags: , , , , , , , , ,

Sem a Renovação da Mente


Sem a Renovação da Mente de Nada Serve o Extraordinário! Se ainda pensar nas cebolas não vai alcançar a promessa!

Paulo Cezar – ABBA Paranaguá / Servo de Cristo

 
Deixe um comentário

Publicado por em 19/02/2012 em Breve Pensamento

 

Tags: , , , , , , , , , , , ,

Uma atmosfera de Gratidão


“O ímpio pede emprestado e não paga; o justo, porém, se compadece e dá.” Salmos 37:21

Pensamento: O ímpio contrai dividas motivado principalmente pelo orgulho e pela cobiça, e vive a amargura e vergonha das suas atitudes. Mas o justo, aquele que é servo de Deus, tem liberdade financeira, pois vive em dependência ao Senhor, sem cobiça e contente dentro da Sua vontade. Devemos cultivar uma atmosfera de gratidão e contentamento com aquilo que o Senhor tem nos dado.

Oração: Pai querido, eterno Deus de amor, obrigado pela sua fidelidade e pelo seu sustento. Obrigado porque posso confiar todas minhas necessidades a ti, pois sei que o Senhor suprirá todas elas. Perdoa pelas vezes que faltou fé e duvidando, ou então pelo orgulho ou cobiça, acabei dando um passo precipitado e contrai algum tipo de dívida. Ajuda-me a estar com as contas em dia, para que eu possa dar um bom testemunho de servo de Deus. Eu oro em nome de Jesus. Amém.

Devocionaldiario

 
Deixe um comentário

Publicado por em 12/02/2012 em Devocional

 

Tags: , , , , , , , , , , , ,

O Filho que Devemos Ser


O Filho que Devemos Ser

Lucas 15; 11-32  “Parábola do filho Pródigo”

Aqui nessa parábola muito conhecida e pregada no meio cristão, eu quero abordar como nós deveríamos ser, qual filho devemos ser? Será que devemos ser o filho que saiu de casa? Ou o filho que ficou com seu pai.

Porem nessa parábola eu vejo que Deus não quer que sejamos nenhum dos dois! Amados nessa parábola vemos duas situações bem complexas de como não devemos ser e também de como devemos nos portar.

Primeiro caso o filho que saiu da presença do pai.

Nesse caso vemos o que acontece com o filho que abandonou a casa de seu pai. Aqui vemos o que acontece quando caminhamos com nossas próprias pernas. Vemos que somos consumidos rapidamente, e que a nossa única salvação é voltar aos braços do pai. Quantos de nós nascemos em berços evangélicos e saímos da casa de nosso pai! Mais também tem aquele que não nasceu em um berço cristão mais como todos nós somos filho de Adão e Adão saiu da casa do pai quando peco!. Todos nós em algum momento de nossas vidas quando estávamos la fora no mundo sentimos um desejo de voltar para o Pai!. Antes de concluir quero falar do outro filho.

O segundo filho, o que permaneceu com seu Pai.

Esse filho é aquele que nunca saiu da presença do pai, é aquele que sempre serviu o pai porem, ele serviu tanto ao pai! Que acabou virando apenas um servo! Esqueceu que ele é Filho do Pai!, quantos de Nós estamos hoje na igreja servindo a “igreja” e acabamos nos esquecendo que somos mais que Servos, que somos mais que pastores, obreiros, evangelistas, profetas, nós somos muito mais que isso para o Pai nós somos FILHOS DO DEUS ALTÍSSIMO!, Nos prendemos tanto em nosso serviço com a igreja que esquecemos de cultivar nossa intimidade com o Pai. Vemos isso quando o Seu irmão Voltou para casa e o pai fez uma grande festa para seu irmão e o filho que estava com o pai não teve a liberdade de adentrar a festa e festejar a volta de seu irmão perdido. Amados depois de vermos esses dois exemplos de filho, quero mostrar como realmente devemos ser, e mostrar, como nós nos colocamos perante nosso pai. O filho que saiu de casa quando ele quis voltar para pai, ele não volto por amor, não voltou para se colocar em seu lugar de filho. Veja o versículo 19. Amados ele já não se achava mais digno de ser chamado de filho. Mais o amor do pai nos purifica e nos perdoa de todo pecado!! e ao voltar para casa o pai recebe com o seu melhor! Quantos de nós quando nos afastamos de Deus e depois de termos apanhado no mundo decidimos voltar, e não conseguimos mais nos colocar na posição de filho! Ficamos presos ao nosso passado!!! mais Deus amados esta disposto a dar o seu melhor!! para que possamos novamente sermos filho! Agora vemos o filho que nunca abandonou o pai, vemos nele algo terrível!!! ele se sentiu injustiçado!! ele se achou o mais justo dos filhos!! ele sentiu ciúmes do irmão!! quantos de nos aqui na igreja já nos pegamos pensando assim “po esse irmão chego agora na igreja e já esta sendo usado por Deus e eu aqui desde de criança e o Senhor nunca me uso” Amados isso não é ser filho!. E para esse filho o Pai deu a melhor resposta. Veja o versículo 31 e 32. AMDADOS!! TUDO QUE É DO PAI É NOSSO! E DEVEMOS NOS ALEGRAR TODA VEZ QUE UM IRMÃO NOSSO QUE ESTAVA MORTO E PERDIDO SEJA VIVIFICADO EM CRISTO! Amados! O filho que o pai realmente se agrada é aquele filho que nunca o abandona, porem que seja mais que um servo! Seja filho! tenha intimidade! um filho que tome posse de suas bençãos! E que quando um irmão perdido volta para os braços do pai ele se alegre junto ao Pai! amados temos que deixar nossa dura servis! para termos uma intimidade maior com o Pai! E assim podermos gozar todas as sortes de Bençãos que o Pai tem para nós!

Paulo Cezar Machado de Souza

 
2 Comentários

Publicado por em 07/09/2010 em Devocional

 

Tags: , , , ,

Exercendo minha liderança


Exercendo minha liderança

Nós Cristãos somos lideres por direito, em Jesus somos Reis e Sacerdotes, e precisamos aprender a usar essa liderança de forma correta. O problema em exercer essa liderança está ligado ao conceito de liderança que temos, pois trazemos esse conceito do mundo, de nossa vida sem Jesus, e esse conceito é completamente reprovável por Jesus. Precisamos observar a Cristo verificar nele as qualidades de um bom líder, e através dessas qualidades nós poderemos exercer a nossa liderança.

Vamos ver Mateus 20:25-28

  1. Então, Jesus, chamando-os, disse: Sabeis que os governadores dos povos os dominam e que os maiorais exercem autoridade sobre eles.

  2. Não é assim entre vós; pelo contrário, quem quiser tornar-se grande entre vós, será esse o que vos sirva;

  3. e quem quiser ser o primeiro entre vós será vosso servo;
  4. tal como o Filho do Homem, que não veio para ser servido, mas para servir r e dar a sua vida em resgate por muitos.

Amados aqui Jesus faz uma breve comparação entre a forma de liderar do mundo e a forma que o Cristão deve Liderar. O líder no mundo exercer autoridade dominando as pessoas, vemos que não é esse o modelo que Jesus quer que seus discípulos sigam, ele enfatiza que aquele que quer ser líder ele precisa servir, precisa ser o Último para com isso estar a frente como o verdadeiro líder. Nós precisamos verificar Quatro aspectos em Jesus para entendermos como ele exercia a autoridade.

Primeiro Aspecto: Amor

Amados Jesus era cheio de amor, vemos Jesus sempre agindo priorizando o amor. A bíblia está repleta de atitudes de amor de Jesus para com as pessoas e esse amor se reflete até hoje por nós através de sua morte na cruz para nos livrar do pecado. O amor tem que estar presente na vida de um líder um líder sem amor, não pode ser um líder segundo Jesus Cristo! Pois ele nos amou de tal maneira que morreu por nós, Jesus nos serviu com o maior de todos os amores, ele nos serviu com o Amor “Ágape”, o amor sacrificial um amor que não tem interesse, um amor que não espera algo em troca, ou seja, um amor verdadeiro (1ºCo 13) Nós precisamos praticar esse amor, as pessoas precisam ver esse amor fluir em nossas vidas. Vamos ver um exemplo de líder que exercia o amor.

Lucas 7:1-5

  1. Tendo Jesus concluído todas as suas palavras dirigidas ao povo, entrou em Cafarnaum.

  2. E o servo de um centurião, a quem este muito estimava, estava doente, quase à morte.

  3. Tendo ouvido falar a respeito de Jesus, enviou-lhe alguns anciãos dos judeus, pedindo-lhe que viesse curar o seu servo.

  4. Estes, chegando-se a Jesus, com instância lhe suplicaram, dizendo: Ele é digno de que lhe faças isto,

  5. porque é amigo do nosso povo, e ele mesmo nos edificou a sinagoga.

Amados esse centurião era um líder que amava seus liderados, vemos aqui que, um servo amado desse homem estava doente e sabendo da presença de Jesus ele enviou uns anciões Judeus até Jesus para curar seu servo, e esses anciões mostraram para Jesus que esse seu senhor era digno de receber a sua presença porque ele era uma pessoa boa, amiga do povo e construiu para eles uma sinagoga. O que vemos aqui? Vemos um líder que amava! Vemos um líder sendo honrado pelo seu amor. Amados, precisamos ser assim, as pessoas que nós lideramos ou exercemos influencia devem nos ver com esses olhos, devem enxergar amor em nossas vidas. Sem amor não conseguimos exercer a nossa liderança.

Segundo Aspecto: Humildade

Amados Jesus Cristo era humilde, não um falso humilde que foge das lutas pela intimidação mas um humilde que enfrentava a realidade e defendia a verdade. Jesus em nenhum momento se fez igual a Deus, mesmo sendo filho de Deus. Jesus Abriu mão de toda sua gloria para morrer por nós. Amados nós precisamos praticar a humildade para podermos ser lideres segundo Jesus Cristo, precisamos descer do salto alto e entender que servir é melhor que ser servido (Atos 20: 35), devemos considerar as pessoas superiores a nós mesmos (filipenses 2:3), parar com atitudes soberbas, com atitudes arrogantes, e através de nossa humildade exercemos nossa liderança. Vamos ver um exemplo de líder que era Humilde.

Lucas 7: 6

Então, Jesus foi com eles. E, já perto da casa, o centurião enviou-lhe amigos para lhe dizer: Senhor, não te incomodes, porque não sou digno de que entres em minha casa.”

Aqui vemos mais uma vez no centurião um exemplo de autoridade, ele entendia a importância da humildade, e se considerou indigno da presença de Jesus em sua casa, pois sabia quem era Jesus, ele reconheceu Jesus superior a ele mesmo, mesmo ele sendo um representante de Roma, pois ele era O Centurião daquela Região, ele era o líder 100 soldados, ele tinha um status considerável naquela região, mais mesmo assim ele soube ser humilde. Será que teríamos essa humildade? Será que, quando temos uma posição relevante na sociedade nós conseguimos considerar as pessoas superiores a nós mesmos Amados, sem humildade não conseguimos exercer nossa liderança.

Terceiro Aspecto: Sujeição à autoridade

Amados esse aspecto é bem interessante, pois aqui vemos muitos de nós tendo dificuldade, pois muitas vezes a falta de outros aspectos como amor, humildade nos impede de andarmos dentro desse principio que é poderoso. Amados Jesus era sujeito as autoridades e principalmente a Deus, porém podemos dizer que ser sujeito a Deus no caso dele fosse fácil, então vamos ver um exemplo onde Jesus foi sujeito as autoridades aqui na terra. Jesus quando foi indagado sobre pagar ou não imposto a César, o que ele fez? Ele Pagou (Mateus 22: 21)! Outro exemplo Jesus quando foi sentenciado a Morte e morte de cruz ele em algum momento não se sujeitou a autoridade e se recusou a não ir? Amados ele foi e graças a sujeição dele podemos ser salvos. Amados, sem sujeição não vamos conseguir exercer a nossa liderança, precisamos entender isso e entender que toda autoridade foi posta por Deus e que devemos nos submeter a essas autoridades (Romanos 13:1). Quando agimos com sujeição nós estamos servindo e quando servimos somos lideres segundo a vontade de Deus. Vamos ver um exemplo de Sujeição à autoridade.

Lucas 7: 8

Porque também eu sou homem sujeito à autoridade, e tenho soldados às minhas ordens, e digo a este: vai, e ele vai; e a outro: vem, e ele vem; e ao meu servo: faze isto, e ele o faz.”

Que declaração poderosa essa do Centurião, amados aqui vemos um homem que entendia o principio de autoridade, ele entendia o porque Jesus podia curá-lo, pois da mesma forma que ele exercia autoridade ele também era sujeito a suas autoridades, ele reconhecendo que Jesus era Sujeito à autoridade de Deus ele entendia que Jesus podia curá-lo exercendo à autoridade que lhe foi delegada, devido a sua sujeição a Deus. Amados nós devemos ser como esse Centurião, devemos reconhecer as nossas autoridades e servi-las e com isso nós temos a legalidade para exercemos a nossa liderança sobre as pessoas. Sem sujeição não conseguiremos exercer a nossa liderança.

Quarto Aspecto: Fé

Amados falar da Fé de Jesus é algo interessante, pois ele é a maior expressão de fé que nós já vimos, tudo era movido pela fé, quando ele fazia os milagres,e em outras situações. Interessante que nele não vemos situação onde ele sinta que tinha fé ou que faltou fé, na verdade vemos ele analisando a fé das pessoas a sua volta, ou dos discípulos ou das pessoas a quem ele curava, com isso vemos que nele não havia a falta de fé, pois ele era a expressão da fé, tudo que ele fazia era proveniente da fé, ele não tinha dúvida do seu chamado, ele não tinha dúvida do seu relacionamento com Deus Pai, não tinha dúvida da sua autoridade, ou seja em Jesus nunca vimos a falta de fé.

Amados nós precisamos agir como Jesus, precisamos alcançar esse nível de fé, a ponto de não termos dúvidas em nossa caminhada, com isso poderemos exercer a nossa liderança, se tivermos fé na palavra de Deus onde ele Diz que precisamos servir não teremos dúvidas em servir, se tivermos fé na palavra que temos de amar um ao outro não teremos dúvidas em amar, se tivermos fé na palavra de considerar cada um superior a si mesmo, não teremos dúvidas em agir com humildade, se tivermos fé não teremos dificuldade de nos sujeitar a nossas autoridades. Vamos ver um exemplo de fé.

Lucas 7: 7b

…porém manda com uma palavra, e o meu rapaz será curado.

Amados outra vez nos deparamos com uma atitude digna de um verdadeiro líder na vida do Centurião. Que declaração poderosa foi essa, isso e uma atitude de fé, onde ele conseguiu surpreender Jesus com tamanha fé.

Lucas 7: 9

Ouvidas estas palavras, admirou-se Jesus dele e, voltando-se para o povo que o acompanhava, disse: Afirmo-vos que nem mesmo em Israel achei fé como esta.”

Amados, imagina o próprio Jesus declarando isso sobre a tua vida. Nós precisamos ter fé amados, sem fé não conseguiremos exercer a nossa liderança, ela que vai nos conduzir a termos atitudes de um verdadeiro líder, através dela nós vamos poder exercer a liderança que cristo nos designou, pois a fé é a “Certeza” e com essa certeza não teremos dificuldade em agir como um verdadeiro líder, ou melhor como um verdadeiro Servo de Deus pois esse é o que lidera.

Conclusão

Amados, vimos quatro aspectos de um líder, e sem esses aspectos jamais conseguiremos exercer a liderança que Jesus nos propôs.

Amor: Sem ele não conseguimos servir as pessoas sem interesse, sem algo em troca.

Humildade: Sem ela não reconhecemos o valor das pessoas, não as consideramos superiores a nós mesmos.

Sujeição: Sem isso jamais entenderemos com funciona o reino de Deus, pois como Jesus foi sujeito nós também temos que nos sujeitar as nossas autoridades.

Fé: Sem Fé não entendemos o Amor ágape, também não conseguiríamos ser humildes, não entenderíamos que toda autoridade foi posta por Deus e sem ela não agiríamos como um verdadeiro líder.

Amados, esses aspectos têm que estar presentes em nossas vidas, sem eles jamais conseguiremos servir! E com isso Jamais exerceremos a nossa LIDERANÇA SEGUNDO A VONTADE DE DEUS.

Esses aspectos nos levarão a deixarmos de ter uma liderança de Direito e passamos a ter uma liderança de fato, onde as pessoas vão nos reconhecer como lideres da mesma forma que o Centurião reconheceu em Jesus.

Paulo Cezar Machado de Souza

 
Deixe um comentário

Publicado por em 27/08/2010 em Devocional

 

Tags: , , , , , , , ,