RSS

Arquivo da tag: ama

Deus me Aceita!


religiosidade

“Não preciso seguir uma lista de regras de religiosos para ser aceito! Deus me aceita! me ama! E se a sua palavra não me condena! Porque me deixar condenar por preceitos humanos?”

Paulo Cezar Machado de Souza

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 21/02/2013 em Breve Pensamento

 

Tags: , , , , , , , , , , ,

Abençoe uma Vida! Hoje!


“Hoje é um dia especial, pois é único! Ontem já passou, o amanhã? Esse pertence a Deus! Então amados que nós possamos viver o hoje de uma forma intensa confiando em Deus e fazendo aquilo que o Pai mais ama! Que é abençoar vidas! Que possamos ser esse canal! Para que o hoje seja tão especial quanto ele deveria ser! Creia sem medo! Dar é melhor que receber – Abençoe uma vida!”

Paulo Cezar Machado de Souza

 
Deixe um comentário

Publicado por em 29/11/2012 em Breve Pensamento

 

Tags: , , , , , , , , , , , ,

Sempre com Ações de Graça


“De Glória a Deus com Ações de Graças, Diga que ama com Ações de Graça, Louve com Ações de Graça, Seja Cristão com Ações de Graça”

Paulo Cezar Machado de Souza

 
Deixe um comentário

Publicado por em 23/11/2012 em Devocional

 

Tags: , , , , , , ,

Da vontade de Desistir…


“Da vontade de Desistir! Mas jamais desistirei de Deus, pois Ele nunca desistiu de Mim, também não desistirei dos Homens! Pois Deus os ama! e não Desistiu deles como não desiste de mim! Mas minha vontade é de Desistir do Sistema religioso formado! e desse Deus desiste! como desistiu da religiosidade dos fariseus! – Conhecereis a Verdade ela vos libertará!”

Paulo Cezar Machado de Souza

 
Deixe um comentário

Publicado por em 06/08/2012 em Breve Pensamento

 

Tags: , , , , , , , , , , , , , , ,

Segundas Chances


“[…] Estando ainda longe, seu pai o viu e, cheio de compaixão, correu para seu filho, e o abraçou e beijou.” (Lucas 15:20)

A parábola do filho pródigo, em Lucas 15, é uma das histórias mais conhecidas das sagradas escrituras. Ela claramente nos mostra que Deus dá segundas chances. É uma história que ilustra a atitude de Deus para conosco, mesmo quando falhamos muito com Ele. Ela revela como Deus é.

A bíblia diz que Deus é amor. Não diz apenas que Deus é amoroso. Diz sim que Ele é amor. O apóstolo João escreveu: “[…] Deus é amor. Todo aquele que permanece no amor permanece em Deus, e Deus nele.” (1 João 4:16). Deus é o amor personificado. Ele é o amor encarnado. Isso não significa que Ele não seja justo, porque as escrituras claramente nos mostram que Ele é. Mas Ele nos ama.

Essa parábola nos mostra duas coisas: a pecaminosidade do homem e o amor de Deus. Mostra-nos que fugimos da presença de Deus, assim como o filho tomou sua herança e deixou a casa de seu pai. Quando ele se deu conta de seu erro, “levantou-se e foi para seu pai. Estando ainda longe, seu pai o viu e, cheio de compaixão, correu para seu filho, e o abraçou e beijou.” (Lucas 15:20). Isso nos mostra que Deus nos ama e que Ele está disposto a percorrer qualquer distância para nos trazer de volta.

Essa história demonstra o grande amor de Deus por nós, mesmo quando erramos feio, e Sua vontade de nos perdoar se nos arrependermos e voltarmos a Ele. Porque nos amou, Deus nos dá segundas chances.

DevocionaisDiários

 
Deixe um comentário

Publicado por em 31/07/2012 em Devocional

 

Tags: , , , , , , , , , , , , , , ,

Aquele que receberam a Justiça de Deus


“Vinde, pois, e arrazoemos, diz o SENHOR; ainda que os vossos pecados sejam como a escarlata, eles se tornarão brancos como a neve; ainda que sejam vermelhos como o carmesim, se tornarão como a lã.” Isaías 1:18

Pensamento: É errado pensar que somente pessoas “boas” chegam ao céu e que as “más” vão para o inferno. Nem bons nem maus vão para o céu, mas somente aqueles que receberam a justiça de Deus pela graça e confessaram Jesus como Senhor e Salvador. Somente o Filho de Deus, Jesus Cristo, tem o poder de perdoar pecados. Só Ele pode tirar nossa culpa e tomar sobre Si os pecados de todos os homens porque só Ele é o Filho de Deus, só Ele é sem pecado, só Ele é justo e morreu em nosso lugar para que tenhamos a vida eterna.

Oração: Pai querido, ainda que eu esteja tão contaminado pelo pecado e envolvido com coisas terríveis, ainda que eu esteja vivendo uma vida totalmente desviada do Seu caminho, e por pior que seja a minha condição de vida, ainda assim o Senhor me ama e perdoa meus pecados. Por isso eu lhe agradeço verdadeiramente, e clamo a ti para que torne minhas vestes brancas como a neve, quero santificar minha vida e permanecer exatamente no centro da Sua vontade. Eu oro em nome de Jesus. Amém.

DevocionalDiário

 
Deixe um comentário

Publicado por em 21/07/2012 em Devocional

 

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , ,

O Problemas da Auto-Estima


“O segundo é este: ‘Ame o seu próximo como a si mesmo’. Não existe mandamento maior do que estes” (Marcos 12:31)

Quando as Escrituras dizem: “Ame o seu próximo como a si mesmo”, elas não estão dizendo: “Primeiro aprenda a amar a si mesmo, e depois a amar o próximo.” Ao contrário, elas estão dizendo: “É óbvio que você já ama a si mesmo. Ame o seu próximo da mesma maneira.”

É esse amor em si mesmo, esta auto-obsessão que nos coloca em apuros. Não precisamos de uma auto-imagem melhorada. Não precisamos de mais auto-estima. E nós certamente não precisamos de mais amor-próprio.

Mas aqui está o que precisamos. Jesus disse: “Se alguém quiser acompanhar-me, negue-se a si mesmo, tome diariamente a sua cruz e siga-me” (Lucas 9:23). Note que Ele não disse: “Se alguém quiser acompanhar-me, que goste de si mesmo” ou “deixe-o amar a si mesmo.” Em vez disso, Jesus disse: “negue a si mesmo, tome a sua diariamente a sua cruz e siga-me.”

Na língua original, a palavra “negar” significa repudiar, desdenhar, renegar, perder, desconsiderar totalmente. Isso não é uma coisa fácil de se fazer.

Então, na realidade, o problema básico em nossa vida não é o nosso cônjuge, nem nosso patrão, muito menos o nosso próximo. Não é também nossa criação/educação. Não é a baixa auto-estima e nem uma auto-imagem pobre. É o evidente amor que possuímos por nós mesmos. Jesus disse: “Mas as coisas que saem da boca vêm do coração, e são essas que tornam o homem ‘impuro’. Pois do coração saem os maus pensamentos, os homicídios, os adultérios, as imoralidades sexuais, os roubos, os falsos testemunhos e as calúnias” (Mateus 15:18-19). Então aqui está o que realmente nos deixa tristes, deprimidos. A escolha final da vida situa-se entre o agradar a nós mesmos ou agradar a Deus.

DevocionaisDiários

 
Deixe um comentário

Publicado por em 08/06/2012 em Devocional

 

Tags: , , , , , , , , , , , , , , ,